Transformação Digital: Em Portugal, 1/3 das médias e grandes empresas ainda são “resistentes digitais”

Transformação Digital: Em Portugal, 1/3 das médias e grandes empresas ainda são “resistentes digitais”

...

by LCG 28 de Setembro, 2017


“Transformação digital é a adoção de práticas e processos de negócios com o objetivo de ajudar as organizações a competir de maneira efetiva num mundo cada vez mais digital.”
Gerald C. Kane, MIT
 
Ao longo dos últimos anos, temos assistido/ participado numa alteração de hábitos de comunicação e uso da tecnologia de informação quer das pessoas quer das empresas, com um impacto cada vez maior no seu dia-a-dia.
 
Na sua componente tecnológica, esta transformação assenta essencialmente em 6 grandes conceitos:
  • Social Media;
  • Mobility;
  • Internet of Things;
  • Cybersecurity;
  • Big Data;
  • Cloud Services.
Ainda assim, a transformação digital não deve ser encarada como um conjunto de requisitos ou dotações de IT, sendo necessário avaliar o nível global de preparação/ maturidade das organizações:
“Transformação digital é a adoção de práticas e processos de negócios com o objetivo de ajudar as organizações a competir de maneira efetiva num mundo cada vez mais digital.”
Gerald C. Kane, MIT
 
Ao longo dos últimos anos, temos assistido/ participado numa alteração de hábitos de comunicação e uso da tecnologia de informação quer das pessoas quer das empresas, com um impacto cada vez maior no seu dia-a-dia.
 
Na sua componente tecnológica, esta transformação assenta essencialmente em 6 grandes conceitos:
  • Social Media;
  • Mobility;
  • Internet of Things;
  • Cybersecurity;
  • Big Data;
  • Cloud Services.
Ainda assim, a transformação digital não deve ser encarada como um conjunto de requisitos ou dotações de IT, sendo necessário avaliar o nível global de preparação/ maturidade das organizações:
No caso Português, este tema é ainda mais crítico uma vez que as grandes e médias empresas do tecido empresarial apresentam níveis de maturidade inferiores à média na Europa e nos Estados Unidos.

É por isso essencial encarar a Transformação Digital como uma oportunidade, mas acima de tudo como uma necessidade e considerar os desafios que dela advêm:
  • Contemplar a Transformação Digital como variável crítica da estratégia de negócio, maximizando o seu potencial;
  • Refazer de raiz os modelos de negócio, e não apenas adequá-los às novas tecnologias;
  • Avaliar e gerir o impacto nas pessoas e na cultura empresarial (papel fundamental da liderança);
  • Gerir a informação resultante deste novo modelo e aplicá-la na contínua melhoria dos serviços prestados.
LCG, com vasta experiência nos domínios da consultoria estratégica, operacional e tecnológica detém as competências necessárias para apoiar a sua organização desde a fase de planeamento e na definição estratégica, implementação e acompanhamento das iniciativas de transformação digital.